Conceito reabilitação e tratamento para dependentes químicos reabilitação e tratamento

 

Atuação especializada na reabilitação/tratamento de dependentes químicos e que atua nos 3 níveis  em programas de prevenção.

 

Pode atuar em ambiente hospitalar, ambulatório, nas comunidades terapêuticas, em empresas e escolas. 

  • No ambiente ambulatorial e clínico, faz triagem de pacientes vindos de internação e encaminhamento para grupos de prevenção a recaída e outras abordagens.

 

Organiza e coordena os grupos de prevenção, trabalha em co-terapia com outros profissionais, participa das reuniões de equipe e grupo de estudos.

 

Programas de Prevenção, Palestras de conscientização, Cursos de Capacitação a lideranças e chefias, nos  Gerenciamentos de Casos ou em Consultorias Permanentes.

  

Segundo a OMS, um trabalhador sob o efeito de drogas utiliza somente 67% da sua capacidade produtiva. Além da baixa produtividade, geralmente problemas como esse são acrescidos de faltas, atrasos e licenças médicas que podem comprometer o desempenho de muitas empresas.

 

  

Para evitar que os prejuízos causados pelo uso de drogas e álcool afetem o ambiente corporativo, é necessário o investimento das empresas. Geralmente elas ignoram este problema e simplesmente desligam o empregado, mas estudos revelam que empresários percebem que o mais vantajoso para elas é investir na prevenção e na recuperação de empregados dependentes, do que fazer de conta que o problema não é com elas.

Para a vítima das drogas, é a chance de detectar e tratar o problema precocemente. Foi em oposição a estes  preconceitos que foi desenvolvido este Programa de Reabilitação aos Dependentes Químicos.

 


Etapas de implantação do Programa para dependentes químicos na empresa: